A Codemasters já não sabe fazer jogos de carros

A Codemasters deixou de saber fazer jogos de carros. O Grid 2 é uma desilusão e não tem nada a ver com o Race Driver: GRID, um dos melhores jogos de carros.

Grid 2

Tenho jogado cada vez menos, só nas férias para passar o tempo. Decidi experimentar o Grid 2, afinal o anterior era um jogo fantástico e o F1 2011, último jogo que comprei e que é bastante decente está sempre a bloquear quando jogo muito tempo seguido e perdi a paciência para voltar 2 a 3 corridas atrás sempre que o jogo bloqueia.

Esta análise ao jogo já vem tarde, que ele saiu há muito tempo, mas se gostam do primeiro Grid então esqueçam o Grid 2. Desapareceu Le Mans, existem apenas meia dúzia de circuitos e corridas a sério (incluindo Portimão) e o resto é do mais inventado que existe.
Pistas que mudam durante a corrida, checkpoints e eventos de publicidade em que ganhamos pontos num carro a ultrapassar calmamente jipes? :shock:

Deixou de ser uma mistura entre simulador e arcada e passou a ser dedicado à nova geração, que até está a perder o interesse nos automóveis. Faz assim sentido que se corra para ganhar fãs e apareçam vídeos sempre que se desbloqueia um campeonato a mostrar vídeos no Youtube com muitas visualizações e Likes, threads em fóruns a falar sobre pilotos entre outras coisas que não fazem muito sentido.

Deixamos assim de ter que ser bons para ter acesso a carros, é-nos dada a escolha entre 2, e se quisermos depois podemos fazer uma corrida simples para ter o outro carro, não vá esta nova geração ficar chateada por ter que trabalhar para ter acesso a alguma coisa :lol:

É melhor jogar sem som

Os comentários são do pior, fazem lembrar o DiRT 3 com um mecânico que devia ter bebido alguns Red Bull para se animar e vai falando sempre nas piores alturas.

Vais entrar numa curva? Deixa-me dizer-te que tens que manter a tua posição de primeiro lugar, podias não saber… Foste ultrapassado, tens que recuperar a posição… E o pior de tudo, dizer que temos que começar a ultrapassar cedo num contra-relógio, sem mais ninguém em pista.

Podiam ter tirado algumas dicas do F1 2011 em que recebemos informação útil, de forma faseada. Ao menos no Grid 2 parece que somos o Kimi Räikkönen pois só apetece gritar “Leave me alone. I know what I’m doing”.

Consistência? A Codemasters não conhece essa palavra

Vamos entrar numa corrida, o piloto que vai em primeiro lugar vai fugir de vocês com um avanço de 2 segundos, aconteça o que acontecer. Corrida seguinte, vocês ganham com um avanço de 2 segundos, parece um passeio de fim-de-semana.

Não existe consistência entre pilotos e resultados. Parece mais que estamos a jogar no Euromilhões, é uma questão meramente de sorte. E o pior de tudo, acabamos em segundo, começamos a segunda corrida em 11º, mas em primeiro lugar vai sair quem acabou em primeiro.

Onde andam os jogos de carros a sério?

O Grid 2 podia ter sido um grande jogo se optassem por modalidades reais (WTCC, BTCC, GP2) mas acabaram por estragar o jogo. Parece que actualmente quem quiser jogar a sério tem que optar pelo Forza, Gran Turismo ou F1.

É pena.

 
Copyright © 1985 - 2017 Eduardo Maio. Alguns direitos reservados.
eduardomaio.net - Às vezes mais valia ser Agricultor do que Programador
Ao navegar no blog eduardomaio.net está a concordar com os termos legais e de privacidade.