A visualizar apenas posts da categoria Jogos

Dia 8 ficou finalmente disponível no Steam o Test Drive Unlimited 2, que tinha feito pre-order e aguardava que ficasse disponível. O jogo está muito melhor que a primeira versão, mas ainda existem pontos a melhorar.

A minha produtividade fora do horário laboral é que passou a zero.

Ferrari California no Test Drive Unlimited 2

Para quem não conhece este jogo, é uma mistura de Need for Speed com Grand Theft Auto, dois jogos que sou fã. A banda sonora não é tão boa como o GTA e os gráficos não são tão bons como no NFS, mas é bastante viciante e o modo online é fantástico. Não me vou alongar muito porque existem várias reviews do jogo pela net.

Pontos positivos
O jogo continua a não desiludir, o controlo dos carros está muito melhor e embora não seja nenhum GRID permite jogar com um teclado sem problemas. O jogo está também mais difícil, é preciso perder algum tempo em single-player para conseguir dinheiro para comprar alguns carros, ao contrário da primeira versão.

A polícia já não vem atrás de nós porque não gostou da cor do nosso carro, mas se cometermos infracções suficientes para iniciar uma perseguição temos que ser o Stig para conseguir fugir. Do nada aparecem 10 carros da polícia e o helicóptero, aparentemente em Ibiza a brigada de trânsito é altamente eficiente. Li relatos que se fugirmos para o meio do nada a polícia aplica EMP’s ao carro mesmo estando longe. Altamente irrealista, mas já só é perseguido quem quer.

A banda sonora também continua boa com Deadmau5 e Paul Van Dyk, embora só existam duas estações de rádio e a voz dos locutores seja altamente irritante.

Pontos negativos
Maserati e Lamborghini não fazem parte do jogo, gostava mesmo de ter o GranTurismo.

Mas o pior mesmo é história do jogo que faz lembrar um programa da MTV. Uma espécie de reality show que segue o campeonato lá do sitio. As vozes são terríveis, os oponentes parecem não ter personalidade e os voice-overs sempre que se inicia uma corrida são altamente repetitivos. Pior mesmo é podermos acabar a corrida em último que já ganhamos a taça mas o voice-over diz que vai ser uma corrida onde se vai decidir a taça.

Os jogos de carros estão a ficar um pouco irrealistas, mas no caso do TDU2 conseguimos esquecer essas nuances, até porque o modo online compensa tudo o resto.

Acabou de sair para o Android o Angry Birds Seasons, um jogo separado mas totalmente gratuíto do Angry Birds para a quadra natalícia.

O jogo tem 25 níveis, sendo revelados ao ritmo de 1 por dia.

Peluches do Angry Birds

Season’s Greedings é o nome deste episódio que tem uma prenda muito especial caso consigam 3 estrelas em todos os níveis. Também incluído neste pack vem o Angry Birds na versão Halloween.

E se estão sem ideias para prendas de Natal a Rovio lançou uma loja online com peluches do Angry Birds.

Saiu um novo Hot Pursuit (2010) para juntar aos vários títulos do Need for Speed. A verdade é que desde o Most Wanted que não acertam uma e esta nova versão apesar de melhor, tem falhas bastante graves num jogo de automóveis como a falta da caixa manual.

GranTurismo no Need for Speed

Sempre fui fã dos Need for Speed, ainda tenho comigo o primeiro Need for Speed para a Sega Saturn e tive o meu computador com dual-boot entre o Windows 98 e o 2000 para poder jogar Porsche Unleashed. Fartei-me de jogar online com o Hot Pursuit 2 e passei dias a jogar o Underground e Underground 2. O Most Wanted era fantástico, voltava a ter carros exóticos e a jogabilidade era muito interessante.

Depois vieram títulos como o Carbon e o ProStreet. A seguir sai o Undercover que ainda consegui jogar durante uma hora até me fartar e o Shift era incontrolável sem um volante.

Agora com o Hot Pursuit (2010) as coisas até estavam a correr bem. Acabou-se o xunning mas continua o nitro que não faz sentido num jogo de carros exóticos. E a falta de uma caixa manual é gritante!

Verdade seja dita o jogo pede para fazermos tanta coisa que usar uma caixa manual é impensável, aliás perco mais tendo a andar em sentido contrário com atenção ao tráfego do que a tentar fazer bons tempos porque sem nitro não se ganham corridas.

Mas o jogo não se devia chamar Hot Pursuit, Exotic Drift seria um nome mais apropriado porque fazer uma curva a direito é uma missão impossível.

É uma pena, parece mais uma espécie de Carmageddon onde andamos a usar EMP’s e tretas do género para parar a polícia em vez de fugirmos como no primeiro Need for Speed ou no Most Wanted. Estava mesmo à espera que fosse uma espécie de Test Drive Unlimited mas com uma jogabilidade de jeito e bons gráficos, afinal parece que vou ter mesmo que esperar pelo TDU2.

Saiu hoje, finalmente, a versão final do Angry Birds para Android. A Rovio decidiu colocar o jogo completo totalmente grátis online, e em poucos minutos foram efectuados mais de 95.000 downloads do jogo!

Angry Birds para Android

Muitos esperavam pelo jogo mas não sabiam que este iria ser disponibilizado sem custos. O tráfego foi tanto que até o jogo aparecer no Market o site GetJar (onde foi publicado inicialmente) ficou indisponível, assim como o site da empresa.

Esta versão gratuita tem anúncios para suportar os custos de desenvolvimento e os problemas com grande parte dos terminais foram corrigidos. Irá sair posteriormente a versão paga do Angry Birds que irá remover a publicidade do jogo.

Não é novidade, mas algumas pessoas ainda não conhecem este easter egg. É possível jogar Snake no Youtube enquanto vemos um vídeo.

Se o Youtube já era uma quebra de produtividade, com o Snake ainda pior :lol:

Snake no Youtube

Para jogar Snake no Youtube basta abrir um vídeo e carregar durante 2 a 3 segundos na tecla para a esquerda no teclado. O jogo irá começar e podemos jogar enquanto um vídeo está a decorrer ou com ele em pausa.

A razão que leva alguém a jogar Snake enquanto está a ver um vídeo ultrapassa-me, mas é engraçado este easter egg. Claro que não está disponível no player HTML5, apenas em Flash.

Ontem ficou finalmente disponível a versão Beta do Angry Birds para Android. O interesse neste jogo era tão grande que a Rovio decidiu fornecer a Beta publicamente para que todos pudessem testar.

Angry Birds para Android

Para quem não conhece o jogo, temos à nossa disposição alguns pássaros suicida (e muito zangados :lol: ) que se catapultam através de uma fisga para destruir estruturas de madeira, vidro ou metal de forma a eliminar os porcos maquiavélicos que lhes roubaram os ovos.

O Angry Birds já rendeu mais de 3 milhões de dólares à firma finlandesa, o que é considerável para um jogo para telemóvel.

O jogo está com uns gráficos porreiros e no meu Nexus One corre bem, apesar de ter uns bugs com o multitasking (acho que andaram a inventar no AndroidManifest.xml), mas não nos podemos esquecer que estamos a falar de uma versão de testes. No Optimus Boston ainda não o consegui instalar porque não aparece no Market, mas existem mais pessoas a queixarem-se do mesmo, no Twitter da Rovio dizem estar a par da situação.

Infelizmente já acabei todos os níveis disponíveis na versão Beta, fico agora a aguardar pela versão completa e lá terei que usar um Market Enabler para ter acesso às aplicações pagas, já que em Portugal ainda não é possível comprar aplicações pelo Android Market.

Existem actualmente três jogos que não saem do meu Steam: GTA Vice City, GTA IV e Race Driver: GRID. Normalmente por esta altura jogo sempre Vice City, é um jogo que gosto e para passar o tempo é do melhor.

Desta vez decidi antes voltar a jogar Grand Theft Auto IV, e olhem que o jogo é terapêutico! Ajuda a libertar o stress e evita que ande por aí aos tiros na vida real :lol:

Grand Theft Auto IV

Sempre fui fanático por jogos de carros mas nunca gostei de estar limitado a pistas. Quando comecei a jogar GTA (o primeiro) tinha um novo tipo de jogo onde andava para todo o lado de carro com liberdade total. Fiquei viciado, principalmente quando saiu o Vice City!

Mas no GTA IV, apesar de ter menos espaço que o San Andreas, tem um guião interessante e muita coisa por explorar. Depois com os objectivos da Xbox Live (ou Games for Windows: Live) ainda se torna mais interessante voltar a jogar e completar alguns dos objectivos. Ainda hoje, mais de um ano depois, desbloqueei o objectivo Liberty City Minute onde tinha que acabar o jogo em menos de 30 horas.

Estou agora tentado a adquirir a expansão Episodes From Liberty City que contém o The Lost and Damned e The Ballad of Gay Tony.

 
Copyright © 1985 - 2017 Eduardo Maio. Alguns direitos reservados.
eduardomaio.net - Às vezes mais valia ser Agricultor do que Programador
Ao navegar no blog eduardomaio.net está a concordar com os termos legais e de privacidade.