O primeiro lugar no Google

Conseguir o primeiro lugar no Google num termo competitivo não é fácil, no entanto muitas empresas que fornecem serviços de optimização para motores de busca fazem-no parecer como a tarefa mais fácil do mundo.

O problema é que os primeiros lugares que conseguem não são de termos competitivos, mas passam a mensagem aos seus clientes que fizeram um óptimo trabalho para garantir o primeiro lugar no Google.

Google

Acho graça quando uma empresa diz que domina o SEO porque conseguiu para o seu cliente o primeiro lugar no Google para a pesquisa por “quero saber o preço da carne no talho do zé”, um termo que ninguém pesquisa claro está. E o cliente fica todo satisfeito!

Outros lançam um site e depois vêm as estatísticas e dizem ao cliente que o site deles está muito bem posicionado para uma palavra qualquer para a qual nem fizeram nenhum trabalho de optimização mas até recebe 15 cliques por mês. É como dizer que eu sou um grande “optimizador” porque recebo muitos cliques de pessoas que procuram “como ser agricultor” no Google :lol:

Garantir o primeiro lugar no Google para um termo competitivo é difícil e está dependente de muitas variáveis externas, as quais não controlamos. Aliás, é por causa dessas variáveis terem um peso tão grande no algoritmo do Google que os seus resultados tem uma qualidade superior aos resultados do Bing por exemplo ;)

E garantir o primeiro lugar no Google para um termo competitivo nem sempre é sinónimo de muitas visitas, o termo pode nem ser pesquisado ou o nosso site pode falhar na entrega da mensagem nos SERP’s.

 
Copyright © 1985 - 2017 Eduardo Maio. Alguns direitos reservados.
eduardomaio.net - Às vezes mais valia ser Agricultor do que Programador
Ao navegar no blog eduardomaio.net está a concordar com os termos legais e de privacidade.