Opera 15 é uma desilusão

A equipa do Opera tinha anunciado que ia deixar de usar o Presto para passar a usar Webkit (e mais tarde Blink). Infelizmente não mudaram apenas o motor de processamento mas também todo o resto do browser

Opera vs Chrome

Já tinha escrito no blog que o Opera está cada vez mais parecido com o Chrome e a versão 12 tem sido tudo menos estável.

Desta vez o Opera terminou e passou a ser o Chrome com o Speed Dial. O preview do Opera Next é basicamente o Chromium com um O vermelho no topo esquerdo e o Speed Dial.

Tudo o que faz do Opera o Opera desapareceu: Notas, Favoritos, Wand, Opera Link, cliente de Mail, personalização do browser.

No blog do Desktop Team e na página do Google Plus do Opera começaram a chover criticas que foram ignoradas, tendo sido indicado que o futuro do Opera era este e que era muito improvável que estas funcionalidades voltassem ao Opera.

Desde a saída de Jon Stephenson von Tetzchner e a fuga de talentos do Opera para o Chrome que este browser tem vindo a ficar estagnado. Será esta a machada final para o Opera? Irão os power users manter-se no Opera 12.15 ou irão adaptar-se ao novo Opera se este tiver extensões para suprimir todas estas falhas? Será preferível optar pelo Chrome que irá ter actualizações mais rápidas?

Parece que vêm aí tempos difíceis para o Opera uma vez que este está a perder mercado tanto nos dispositivos móveis (em Android o Chrome é rei) e agora também nos computadores e portáteis.

 
Copyright © 1985 - 2017 Eduardo Maio. Alguns direitos reservados.
eduardomaio.net - Às vezes mais valia ser Agricultor do que Programador
Ao navegar no blog eduardomaio.net está a concordar com os termos legais e de privacidade.