Windows 10, 10 dias depois

O primeiro artigo que escrevi sobre o Windows 10 teve uma recepção engraçada, até parecia que tinha escrito algo sobre a Apple. Recebi comentários de todos os tipos, alguns por email a roçar o insulto, mas a Internet é mesmo assim.

Posto isto, aqui fica a minha experiência com o Windows 10, 10 dias depois.

Upgrade para Windows 10

Para dar ao leitor algum background já mexi em Windows 3.1, 95, 98, 98 SE, 2000, XP, 7, 8, 8.1 e até em servidores com Windows Server 2003, 2008 e 2012. Acho que tirando o ME e o Vista, mexi regularmente com quase todas as versões do Windows.

Podemos agora passar à frente e falar um pouco da experiência que foi o upgrade do 7 para o 10.

A primeira situação que me deixou com problemas de funcionamento do sistema operativo foi a falta de acesso à pasta C:\Windows\Temp. Esta situação ficou resolvida com uma instalação de raiz, mas esta instalação trouxe outros problemas.

A informação que foi passada pela Microsoft e repetida em vários sites é que a identificação da Motherboard iria ficar associada à chave do Windows 10. Ou seja, podíamos fazer uma instalação de raiz que o sistema operativo iria ficar activo sem problemas. Não foi o caso, e após várias pesquisas e ao ler o relato de vários utilizadores com o mesmo problema chegou-se à conclusão que a única forma de garantir a activação é fazer o “upgrade” a partir do 7 mas escolhendo a opção para não manter qualquer aplicação ou ficheiro pessoal. Assim a instalação é nova, aparte da pasta Windows.old e algumas pastas que possam estar no volume C.

O bloatware também tem solução com alguns comandos no PowerShell. O Thomas compilou os vários comandos para remover as aplicações adicionais do Windows 10. De acordo com alguns relatos a aplicação da Xbox estava a causar algumas dificuldades com alguns jogos.

Em termos de performance estou bastante satisfeito. Ainda existem situações estranhas, actualizações do Windows que por vezes falham, a janela de definições deixa de responder, problemas no acesso a redes Wi-Fi que não fazem broadcast do SSID (mas isto podem ser drivers).

Mantenho o meu veredicto. Se precisam do computador para trabalhar aguardem mais um mês ou dois para que estas nuances vão sendo corrigidas. Se gostam de experimentar o último grito da tecnologia e têm horas suficientes para perder na instalação e configuração do Windows, força com a actualização.

 
Copyright © 1985 - 2017 Eduardo Maio. Alguns direitos reservados.
eduardomaio.net - Às vezes mais valia ser Agricultor do que Programador
Ao navegar no blog eduardomaio.net está a concordar com os termos legais e de privacidade.